22 de dez de 2009

OXIGENANDO A VIDA !!



Estive  longo tempo sem postar por  estar impossibilitado por motivos de saude.Estive hospitalizado por uma semana, por necessidade de oxigenação sanguinea , após fui para um centro de medicina.
Assim como esta descrito em meu perfil na barra lateral deste blog no item-interesses: APRENDER A VIDA EM TODOS OS SENTIDOS, me permito a blogar questões pessoais assim como a experiência pela qual estou passando.

Por volta dos meus 45 anos,  comecei a sofrer a doença de osteartrose do quadril e descobri algumas protusoes discais o que me impediram das atividades físicas que até  então  fazia com regularidade. A necessidade  de fisioterapia diária por 2 anos restringiu a atividade  profissional, piorou drásticamente a tendencia  a obesidade,agravada por uma hipertensão congênita com uma carga medicamentosa cada vez maior  e outra carga medicamentos para depressão e insônia.E sempre piorada pelo alívio ilusóriio.

Sou Ex-fumante á 17 dias , após 36anos de consumo de 3 maços (60 cigarros) diários.

Estou fazendo uma desintoxicação profunda. A Batalha é diária minuto a minuto .



2 de dez de 2009

Ignorancia y desinformación

      El presidente brasileño cree que en Honduras son los presidentes los que convocan a elecciones.

A ignorância ea desinformação

O governo brasileiro deu a sua Embaixada em Tegucigalpa para fazer isso já que há apelos à violência e revolta.
ElHeraldo.hn
Tegucigalpa, Honduras
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva demonstrou a pouca informação que é a crise em Honduras, dizendo que "a história teria sido diferente se o golpe não teria novas eleições.
Em declarações transmitidas pela BBC Mundo, ontem, Lula disse que o reconhecimento do governo do Lobo Sosa "é equivocada.
"Não, não e não. Definitivamente não", disse ele, por insistência dos jornalistas que perguntou se o Brasil irá reconhecer a legitimidade do governo, expressa uma enorme e poderosa nas urnas.
 ............
E, a julgar pelas suas declarações, Lula é desinformado e, portanto, ignorante; hondurenhos foram às urnas em novembro de 2008 para escolher seus candidatos nas eleições primárias e em maio de 2009, quando era presidente Manuel Zelaya, 4,6 milhões hondurenhos foram chamados a votar em 29 de novembro em um novo presidente, 128 deputados e igual número de suplentes e por 298 empresas municipais.

Fiz questão de manter o título em espanhol para mostrar que não é só Caetano Veloso e maior parte da população com informação no Brasil que fazem a mesma consideração. Ela vem da imprensa de um pais pequeno, pobre mas que tem demonstrado coragem e como a democracia tem valor mesmo que seja contra os interesses e ameaças de paises de quase todo continente.
Clique aqui Para ler a reportagem completa em Espanhol 

A Hipocrisia e a Charge da Política.

Lula negou que tenha assistido a vídeos divulgados no domingo , mas disse que "a imagem não fala por si"."O que fala por si é todo um processo de investigação, todo um processo de apuração. Quando estiver toda a apuração terminada, a Polícia Federal vai ter que apresentar um resultado final", afirmou Lula, antes de deixar a capital portuguesa, onde participou da Cúpula Ibero-americana, rumo a Kiev, na Ucrânia."Aí você pode fazer juízo de valores. Mesmo assim, quem vai fazer juízo de valores final é a Justiça. O presidente da República não pode ficar dando palpite, vamos aguardar sobre o que vai sair."
Boa parte da população pode adjetivar o Filho do Brasil -Lula da Silva, demeritoriamente, como Caetano Veloso, e considera-lo ignorânte e grosseiro  mas o que não se pode negar é sua inteligência e grande capacidade de raciocinio rápido com base na sua grande experiência política.Quando ele se faz de cordeiro como nas declarações acima está nada mais nada menos que captalizando para se defender,afinal sua vida contada no cinema é uma ficção e em contraste as acusações de toda ordem que sempre são negadas ou como afirmou dias atras na votação interna do seu partido declarou: Que partido que não errou na história???
Antes de assumir a Presidencia ele afirmava que no Congresso havia 300 picaretas, provavelmente ele conseguiu elevar esse numero próximo dos 500 picaretas, ele o Grande Chefe.
Na sua má gestão contabiliza-se as promessas de campanhas vitais para o futuro do pais:
-Reforma Previdência,
-Reforma Direito Penal 
-Reforma Tributária
-Reforma Fiscal (descentralização do poder federal e desperdício do dinheiro)
-Reforma Eletoral (para evitar o chamado caixa 2 dos partidos políticos)
-Se procurarem nos discursos de campanha do Lula encontrarão estas promessas que não foram cumpridas em seus 8 anos de Governo, porque não lhe interesse cumprir, está bom do jeito que está.

"Nas pessoas de capacidade limitada, a modéstia não passa de mera honestidade, mas em quem possui grande talento, é hipocrisia."--Arthur Schopenhaur--















 "   Na Era do Filho do Brasil, a prática é roubar, e a hipocrisia é consentir por  ter tamanho do roubo maior do que o outro "

28 de nov de 2009

Iminente que se esclareça quem cometeu o crime!-O Estupro ou Falsa Denúncia

         


             X




Não tem sido fácil deixar de comentar escândalos e bizarrices do governo do filho do Brasil.Nesta sexta feira a Folha publicou um artigo assinado por César Benjamin surprendendo mais uma vez o Brasil de forma escandalosa. Não é qualquer é um, vejam sua página na Wikipédia, observem que todos sairam do mesmo saco,
todos fundaram e construiram o PT, todos ajudaram a fundar e construir o Foro de São Paulo e todos estiverem presos juntos

César de Queiroz Benjamin (Rio de Janeiro, 5 de maio de 1954) é um jornalista, editor e políticobrasileiro.
Co-fundador do PT, é atualmente editor da Editora Contraponto e colunista da Folha.

Trajetória política

César Benjamin foi guerrilheiro, lutando contra o regime militar ded 1964. Iniciou na guerrilha com 14 anos.
Foi preso quando tinha 17 anos.
Sofreu tortura em interrogatórios. Como consequência, perdeu a audição (unilateral).
Em 1976 foi exilado na Suécia.
Voltando ao país, com a anistia, foi um dos fundadores do PT, de onde saiu em 1995, por divergências de opinião, que já vinham se avolumando desde 1989.
Em 2004, filiou-se ao PSOL, pelo qual foi candidato a vice-presidente da república em 2006.
Em 2006, concorreu ao cargo de vice-presidente da República no Brasil, na chapa da senadora Heloisa Helena, do PSOL. No mesmo ano, em total desacordo com decisões internas do partido, que nas suas palavras tentou modificar um seu texto original, com o conteúdo programático daquelas eleições, desfiliou-se.[1]

Atuação profissional

[Obras publicadas

  • BENJAMIN, César. PAULA, Sérgio Goes de. E o sertão, de todo, se impropriou à vida: um estudo sobre a seca no Nordeste. Petrópolis: Vozes, 1985.
  • BENJAMIN, César. Diálogo sobre Ecologia, Ciência e Política. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1992.
  • BENJAMIN, César. A Opção Brasileira. Rio de Janeiro: Contraponto, 1998.
  • BENJAMIN, César. Bom Combate. Rio de Janeiro, Contraponto, 2004.

[


Redação Terra

Lula diz que conversa sobre estupro atribuída a ele é "loucura"

"Isso é uma coisa de psicopata. Para nós é uma coisa que só pode ser explicada pela psicopatia. O presidente está triste e falou que isso é uma loucura", disse Carvalho, ressaltando que não existe intenção de processar Benjamin, que foi um dos fundadores do Partido dos Trabalhadores (PT).
"Não vamos dar a mínima importância (ao episódio). Vamos nos sujar se fizermos isso. Quando a coisa é séria a gente reage. Quando não é (ignoramos)", disse.


Evidentemente que cabe a César Benjamin o ônus das provas mas para isso cabe a Lula exigir urgentemente sua retratação e processa-lo e não cabe a ele nem ao PT qualquer menção de que "é coisa da oposição" pois trata-se de gente da mesma ideologia de ex-cumpanheiros, etc.
QUEREMOS UMA RESPOSTA URGENTE DO FILHO DO BRASIL!

Atualização em 02/12/2009-
Cesar  Benjamin, em nova nota nesta data, explica "por que agora " de tal públicação:
DEIXO de lado os insultos e as versões fantasiosas sobre os “verdadeiros motivos” do meu artigo “Os Filhos do Brasil”. Creio, porém, que devo esclarecer uma indagação legítima: “por quê?”, ou, em forma um pouco expandida, “por que agora?”. A rigor, a resposta já está no artigo, mas de forma concisa. Eu a reitero: o motivo é o filme, o contexto que qu o cerca e o que ele sinaliza.
Há meses a Presidência da República acompanha e participa da produção desse filme, financiado por grandes empresas que mantêm contratos com o governo federal.
Antes de finalizado, ele foi analisado por especialistas em marketing, que propuseram ajustes para torná-lo mais emotivo.
O timing do lançamento foi calculado para que ele gire pelo Brasil durante o ano eleitoral. Recursos oriundos do imposto sindical -ou seja, recolhidos por imposição do Estado- estão sendo mobilizados para comprar e distribuir gratuitamente milhares de ingressos. Reativam-se salas pelo interior do país e fala-se na montagem de cines volantes para percorrerem localidades que não têm esses espaços. O objetivo é que o filme seja visto por cerca de 5 milhões de pessoas, principalmente pobres.
Como se fosse pouco, prepara-se uma minissérie com o mesmo título para ser exibida em 2010 pela nossa maior rede de televisão que, como as demais, também recebe publicidade oficial. Desconheço que uma operação desse tipo e dessa abrangência tenha sido feita em qualquer época, em qualquer país, por qualquer governante. Ela sinaliza um salto de qualidade em um perigoso processo em curso: a concentração pessoal do poder, a calculada construção do culto à personalidade e a degradação da política em mitologia e espetáculo. Em outros contextos históricos isso deu em fascismo.
O presidente Lula sabe o que faz. Mais de uma vez declarou como ficou impressionado com o belo “Cinema Paradiso”, de Giuseppe Tornatore, que narra o impacto dos primeiros filmes na mente de uma criança. “O Filho do Brasil” será a primeira -e talvez a única- oportunidade de milhões de pessoas irem a um cinema. Elas não esquecerão.
Em quase oito anos de governo, o loteamento de cargos enfraqueceu o Estado. A generalização do fisiologismo demoliu o Congresso Nacional. Não existem mais partidos. A política ficou diminuída, alienada dos grandes temas nacionais. Nesse ambiente, o presidente determinou sozinho a candidata que deverá sucedê-lo, escolhendo uma pessoa que, se eleita, será porque ele quis. Intervém na sucessão em cada Estado, indicando, abençoando e vetando. Tudo isso porque é popular. Precisa, agora, do filme.
Embalado pelas pré-estreias, anunciou que “não há mais formadores de opinião no Brasil”. Compreendi que, doravante, ele reserva para si, com exclusividade, esse papel. Os generais não ambicionaram tanto poder. A acusação mais branda que tenho recebido é a de que mudei de lado. Porém os que me acusam estão preparando uma campanha milionária para o ano que vem, baseada em cabos eleitorais remunerados e financiada por grandes grupos econômicos. Em quase todos os Estados, estarão juntos com os esquemas mais retrógrados da política brasileira. E o conteúdo de sua pregação, como o filme mostra, estará centrado no endeusamento de um líder.
Não há nada de emancipatório nisso. Perpetuar-se no poder tornou-se mais importante do que construir uma nação. Quem, afinal, mudou de lado? Aos que viram no texto uma agressão, peço desculpas. Nunca tive essa intenção. Meu artigo trata, antes de tudo, de relações humanas e é, antes de tudo, uma denúncia do círculo vicioso da extrema pobreza e da violência que oprime um sem-número de filhos do Brasil. Pois o Brasil não tem só um filho.
Reitero: o que escrevi está além da política. Recuso-me a pensar o nosso país enquadrado pela lógica da disputa eleitoral entre PT e PSDB. Mas, se quiserem privilegiar uma leitura política, que também é legítima, vejam o texto como um alerta contra a banalização do culto à personalidade com os instrumentos de poder da República. O imaginário nacional não pode ser sequestrado por ninguém, muito menos por um governante.a
Alguns amigos disseram-me que, com o artigo, cometi um ato de imolação. Se isso for verdadeiro, terá sido por uma boa causa.

Enquanto isso o Filho do Brasil e maior parte da imprensa permanencem calados.E mais um crime cometido sem que tivessemos a resposta!

25 de nov de 2009

Lula Desperta Comiseração em Freud!!


Esteja no túmulo aaonde estiver,Sigmund Freud (1856-1939) o reconhecido pai da Psicanálise a  "Ciência do Inconsciente", deve estar em auto-análise para aliviar seu sentimento de comiseração(compaixão, pena, piedade) para com seus ancestrais : Aristótoles ou Copérnico ou Galileu Galile,  depois dessa mais nova descoberta do filho do Brasil:

Para celebrar desmatamento da Amazônia, Lula cita Freud
"Eu já disse várias vezes: Freud dizia que tinha algumas coisas que a humanidade não controlaria. Uma delas eram as intempéries", comentou o presidente. Animado, o presidente tentou explicar por que o clima é tão imprevisível. "Essa questão do clima é delicada por quê? Porque o mundo é redondo. Se o mundo fosse quadrado ou retangular e a gente soubesse que o nosso território está a 14 mil quilômetros de distância dos centros mais poluidores, ótimo, vai ficar só lá. Mas como o mundo gira e a gente também passa lá embaixo onde está mais poluído, a responsabilidade é de todos". 

 Sobre os Mistérios da Evolução humana: 
Os cientistas se perguntam até hoje sobre o que originou o primeiro passo para o progresso do ser humano, por que ele evoluiu e para qual sentido. Por que existe apenas uma única espécie humana e quais caminhos evolutivos a humanidade poderia ter tomado?

 O hominídeo Ardipithecus ramidus pode ajudar a esclarecer o elo entre o homem e o chimpanzé.


 Se os cientistas  pergutarem ao Lula    talvez ele  tenha a resposta.



                                          Dúvida? Veja aqui:

24 de nov de 2009

As amizades do filho comprometem o futuro do Brasil!!

Lula o Filho do Brasil  desde sempre tem optado por RELAÇÕES PERIGOSAS, com golpitas,ditadores  e criminosos que o mundo inteiro condena.
Não bastasse a opção de estar ao lado de ex guerrilheiros nacionais, ladrões,mensaleiros,

Eleições do PT consagram a volta dos que não foram

  Paulino Menezes/Divulgação
O PT foi às urnas neste domingo. Escolhe, em eleição direta, novos dirigentes nacionais, estaduais e municipais.

O resultado só deve sair nesta segunda (23). Para presidente nacional, o favorito é José Eduardo Dutra, candidato de Lula.

Apresentado como dirigente da nova geração, Dutra traz o velho enganchado à sua chapa, apinhada de réus do mensalão.

Pessoas processadas no STF por crimes como corrupção ativa e passiva, peculato, lavagem de dinheiro, evasão de divisas e formação de quadrilha.

Entre elas José Dirceu, tachado pelo Ministério Público de chefe da “quadrilha”. Além dele, o deputado João Paulo Cunha.

21 de nov de 2009

Selo de Amizade c/Honradez





Recebi do amigo Stenio Guilherme Vernasque da Silva, do blog anti foro de sao paulo este selo de amizade.
Para mim é uma honra especial pois alem de seu blog ter sido um dos inspiradores para eu decidir a iniciar a criar um blog e ele sabe disso, seu blog tem uma visibilidade e visitação destacada.

Funciona assim:
- Escolha dez amigos para declarar a sua amizade e os nomeie num post.
- Em seguida visite seus blogs e comunique a nomeação.
- Cada um deverá nomear mais dez, e assim sucessivamente.
- Não há prêmios, apenas nossa declaração sincera de amizade e apreço.

Indicados: 
A Verdade Politica
Pobrepampa.
bootlead.blogspot.
cavaleirodotemplo
por-outrolado
movimentoeticaja
Sem 'Armações' Política.
cachorroluco

19 de nov de 2009

Em nome da Miséria...as Mentiras




Em nome da miséria o governo Lula do PT tem se utilizado das mais repugnantes práticas condenadas pela civilizações desenvolvidas: a MENTIRA.No inicio se apresentando como opção para população brasileira,
de origem humilde,da classe trabalhadora sem vínculos ideológicos mas verdadeiros e transparentes o governo
Lula com a popularidade alcançada através da bolsa familia que quando oposição ele condenava, tem demonstrado que para ser mau caracter não tem origem,não tem história,não tem feito realizado.O poder lhe sobe a cabeça. E em nome deste mente para ganhar seus votos tanto quanto pode. Já não basta ter condenado parte da imprensa, ou o sensura-la, ao disser que a impressa "não pode comentar, só pode publicar". Ou seja se Lula falar uma mentira publique e não comente.
Esta semana ele tentou enganar o povo mentindo alegando que o mensalão não existiu e foi um golpe.Ou seja
todos os 40 que estão respondendo processos no STF e todas aquelas imagens que vimos com dinheiro e dolares nas malas, caixas, cuecas, recibos de transferencias bancarias, não existiram e devemos esquecer pois foi um filme que passou nas nossas cabeças e foi  inventado.
O apagão da semana que nunca mais iria aconteer segundo a general Dilmão, na hora o general covarde na apareceu, aonde estava a dita poderosa ministra para explicar o que havia prometido que não haveria mais apagão.Somente 1 ou 2 dias apareceu para dizer que aquilo é normal.Não explicou, e a mentira do passado?
Porque será que tem ser uma revista internacioan The Economist , publicar uma matéria o sussesso da estabilidade da economia brasileira está no plano criado e lançado por Fernando Henrique Cardoso e que Lula tanto teima em reconher?

Brasil decola

Nov 12th 2009 Novembro 2009 12
From The Economist print edition Da edição da cópia de The Economist

Agora, o risco para a história da América Latina, grande sucesso é arrogância

 Quando, em 2001, os economistas da Goldman Sachs colchetes Brasil com a Rússia, Índia e China, as economias que viria a dominar o mundo, houve sniping muito sobre o B na sigla BRIC. Brasil? Um país com uma taxa de crescimento como skimpy como maiôs, presa a qualquer crise financeira que estava ao redor, um lugar de instabilidade política crônica, cuja capacidade infinita de desperdiçar o seu potencial óbvio era tão lendário como seu talento para o futebol e carnaval, não parece pertencer com os titãs emergentes.....................................

E talvez seja o maior perigo enfrentado pelo Brasil: arrogância. Lula está certo ao dizer que seu país merece respeito, assim como ele merece muito mais do que ele gosta de adulação. Mas ele também tem sido um presidente de sorte, a colher os frutos do boom das commodities e funcionamento da plataforma sólida para o crescimento erguido por seu antecessor, Fernando Henrique Cardoso. Mantendo um melhor desempenho do Brasil em um mundo que sofre vezes mais significa que o sucessor de Lula terá de resolver alguns dos problemas que ele se sentiu capaz de ignorar. Assim, o resultado da eleição pode determinar a velocidade com que avança o Brasil na era pós-Lula. No entanto, claro que o país parece estar definido. Sua descolagem é ainda mais admirável, pois foi conseguido através da reforma e construção de consenso democrático. Se apenas a China poderia dizer o mesmo.

-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o
BRASIL tem sido conhecido como um local de grande potencial. Tem fornece a maior do mundo de água doce, a maior floresta tropical, terra tão fértil que, em alguns agricultores locais gerir três colheitas por ano, e mineral e enorme riqueza de hidrocarbonetos. Os investidores estrangeiros têm fortunas apostou na idéia de que o Brasil é realmente o país do futuro. E os investidores estrangeiros que perderam fortunas, mais espetacularmente, Henry Ford, que fez um enorme investimento em uma plantação de borracha na Amazônia, que destina-se a torneira para pneus de carro. Fordlândia, município há muito esquecido, no estado do Pará, com suas casas de tábuas desbotadas agora lentamente sendo engolido pela selva, é talvez o monumento mais pungente do Brasil para que repetiu o triunfo da esperança sobre a experiência.
Os estrangeiros têm memória curta, mas os brasileiros aprenderam a temperar o seu otimismo com cautela, mesmo agora, quando o país está desfrutando provavelmente o seu melhor momento desde que um grupo de marinheiros Português (olhando para a Índia) lavada em cima de suas costas, em 1500. O Brasil tem sido democrático antes, ele teve crescimento económico antes e tem tido uma inflação baixa antes. Mas nunca antes sofrido todos os três ao mesmo tempo. Caso mantenha a tendência actual (que é um grande se), Brasil, com uma população de 192m e em rápido crescimento, pode ser um do mundo cinco maiores economias em meados deste século, junto com a China, América, Índia e Japão.

Apesar da crise financeira que abalou o mundo, um monte de coisas boas parecem estar acontecendo no Brasil agora. Já é auto-suficiente em petróleo, novas e grandes descobertas no mar em 2007, provavelmente para torná-lo um grande exportador de petróleo até ao final da próxima década. Todas as três principais agências de rating classificar papel do governo do Brasil como grau de investimento. O governo anunciou que vai emprestar dinheiro para o FMI, uma instituição que há apenas uma década anexado condições rigorosas para a concessão de empréstimos de dinheiro que foi para o Brasil. Enquanto o mundo inteiro parecia estar caminhando para um longo inverno do ano passado, o investimento estrangeiro direto (IED) no Brasil foi de 30% em relação ao ano anterior, mesmo que os fluxos de IDE para o resto do mundo caiu 14%.
Muito do sucesso atual do país se deveu ao bom senso de seus governos recentes, nomeadamente as de Fernando Henrique Cardoso 1995-2003, que criou uma estável e previsível macroeconômica em que as empresas poderiam florescer (embora até agora o governo continua a entrar no caminho das empresas que tentam ganhar lucros e criar postos de trabalho). Como foi essa transformação notável aconteceu? E como podem as empresas brasileiras e estrangeiras, de batom decisores de bancos de investimento, tirar partido da nova estabilidade do país?
Para ver porque o Brasil hoje parece tão excitante para os brasileiros e estrangeiros, que ajuda a compreender o quão profundo que tinha afundado pela década de 1990. Decepções do passado também explicar três coisas sobre o Brasil, que fora às vezes acham difícil de entender: sua desconfiança dos mercados livres, a sua fé na sabedoria de intervenção do governo nos negócios e das finanças, e as taxas de juro persistentemente elevados.
Quando o Brasil tornou-se independente de Portugal em 1822, comerciantes ingleses, o prazer de descobrir um novo grande mercado inundado Brasil com a fabrica, inclusive, de acordo com uma história, possivelmente apócrifa, gelo patins, um dos primeiros exemplos de emergentes febre do mercado. Mesmo assim, o rendimento real por pessoa permaneceu estagnado durante todo o século 19, talvez por um sistema de ensino inadequado e uma economia dependente de escravos produtores de commodities para exportação combinados para ficar no caminho do desenvolvimento. Desde que os brasileiros têm tendência para ver de livre comércio com desconfiança, apesar do sucesso recente de seu país como um exportador.
Em meados dos anos 20 do século Brasil parecia ter encontrado uma fórmula para estimular o crescimento e apreciou o que parecia ser um milagre econômico. Em um ponto da sua economia cresceu mais rapidamente do que qualquer barra de outro grande país Japão e Coréia do Sul. Esse crescimento se baseou em um estado liderado modelo de desenvolvimento, financiada com dívida externa dentro de uma economia semi-fechada. Mas o crescimento também trouxe a inflação, que aleijado Brasil até meados da década de 1990 e ainda é responsável por algumas características ímpares, tais como taxas de juros no país e dolorosamente alto de sua indisposição para salvar. Ao mesmo tempo, o "milagre" feito pelo governo militar convenceu os brasileiros de que o Estado soube melhor, pelo menos na esfera económica, e mesmo a confusão posterior não completamente persuadi-los de outra forma.

Memórias Infeliz

Quando este modelo de desenvolvimento fracassaram em meio a choques do petróleo da década de 1970, o Brasil ficou sem o crescimento, mas com inflação horrendo e lotes da dívida externa. Seguiram-se duas décadas voláteis, quando o Brasil começou a ser comparada a Nigéria, em vez da Coréia do Sul. O crescimento da produtividade foi em sentido inverso. Muitos dos problemas atuais do país, incluindo a criminalidade e má educação e saúde, tanto a data da época ou foram agravados por ele. Entre 1990 e 1995 a inflação média de 764% ao ano.
AFP Cardoso (esquerda), Lula fez um grande favor
Em seguida, um verdadeiro milagre aconteceu. Em 1994 uma equipe de economistas sob o Sr. Fernando Henrique Cardoso, o ministro das Finanças, introduziu uma nova moeda, o real, o que sucedeu quando as tentativas anteriores fracassaram. Dentro de um ano do Plano Real conseguiu travar as subidas de preços. Em 1999, a taxa de câmbio PEG foi abandonado e permitiu a moeda flutuar, e do Banco Central foi dito para meta de inflação. O décimo aniversário deste evento acaba de passar, e embora haja continuar o debate sobre como tornar a nenhum real menos voláteis, dos grandes partidos políticos defensores de voltar a uma taxa gerenciado.
Mais do que isso, as reformas trouxeram a disciplina de finanças do governo. Ambos os governos federal e estadual têm agora a viver dentro de suas possibilidades. A exigência de um superávit primário (antes do pagamento dos juros da dívida pública) foi introduzida em 1999, e do governo federal atingiu o alvo para que todos os anos, uma vez que, embora haja uma boa chance de que ele vai perder este ano. Isto permitiu o Brasil a se livrar da maioria dos denominados em dólares da dívida externa que causou essa instabilidade toda vez que a economia vacilou. Agora, os credores internacionais a confiança do governo de honrar seus compromissos. Moody's, uma agência de rating, elevação do papel o governo do Brasil em setembro para grau de investimento assim como os governos de muitos países mais ricos trastes sobre ser capaz de cumprir as suas obrigações.
No entanto, o crescimento ainda muito difícil. Levou uma economia mundo flutuante e um aumento nos preços das commodities em consegui-lo. Embora a economia do Brasil ainda é relativamente fechada (comércio representaram um modesto 24% do PIB em 2008, menos de 60 anos antes), o seu crescimento está intimamente correlacionado com os preços das commodities, a economia chinesa, o índice Baltic Dry e outras medidas de comércio global . Mas, finalmente, em 2006, o PIB ultrapassou a inflação pela primeira vez em mais de 50 anos.

Lucky legado de Lula

Atual presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, foi capaz de tirar muito do crédito para o crescimento recente do país que, talvez propriamente pertence ao seu antecessor. No entanto, a realização de Lula foi para manter as reformas que ele foi legada e adicione um pouco de sua própria realização, não um exíguo dado que nos últimos sete anos de seu próprio partido tem vindo a tentar arrastá-lo para a esquerda.
Lula é muitas vezes ridicularizado por suas frases começando com a frase "nunca antes na história deste país". O que seus adversários políticos encontrar ainda mais irritante é que ele é muitas vezes a direita. O Brasil foi capaz de reduzir as taxas de juros e injetar dinheiro na economia como na economia mundial vacilou no final do ano passado, a primeira vez que foi capaz de fazer isso em uma crise. Considerando que outros eventos do mundo previram que seria a ponta o Brasil em recessão, Lula avaliou que a crise que equivaleria a nada mais do que uma pequena onda quebrando nas praias de seu país. A economia encolheu para apenas dois quartos e agora está crescendo novamente. O contraste com o desempenho do Brasil em crises anteriores, não poderia ser mais gritante (ver Artigo).
Muitos problemas permanecem. A taxa de juros do banco central manchete é de 8,75%, uma das maiores taxas reais em qualquer lugar do mundo. Se o governo quer um empréstimo a longo prazo na sua própria moeda, que ainda tem de ligar as suas obrigações para a inflação, tornando a dívida caro para o serviço.
O crescimento da produtividade é lento. Isso pode não parecer o fim do mundo, mas reflete realidades, como a viagem de duas horas de ônibus para o trabalho enfrentadas por pessoas que vivem na periferia de São Paulo, a maior cidade do país, durante o qual o risco de assalto, muitas vezes antes de chegar muito cansado ser muito útil. O governo investe muito pouco e tem lacunas de longa data no policiamento e educação para preencher. O sistema legal é disfuncional. E assim por diante.
No entanto, outros países enfrentam problemas semelhantes, eo Brasil tem feito um progresso real. Em um país onde as empresas tornaram-se manchete usada para taxas de juros de 30% ou mais, uma taxa inferior a 9% vem como um alívio. "É como a diferença entre correr uma maratona com 50 quilos nos ombros e 20 quilos", diz Luis Stuhlberger do Credit Suisse Hedging-Griffo, um dos gerentes mais bem sucedidos do Brasil fundo. Sr. Stuhlberger acha que o Brasil tem passado recente, foi tão horrível, e sua expansão da educação e do crédito é tão jovem, que o país pode ser razoavelmente esperado que continue a sua trajectória actual, até mesmo sem outras grandes reformas. Mesmo assim, ele argumenta, "não vamos ter uma Harvard ou uma Google aqui." A culpa por isso, diz ele, encontra-se em grande parte com as políticas do governo.
História econômica do Brasil certamente poderia ser mais emocionante, com algumas reformas ao seu ambiente de negócios. Crescimento potencial do país, sem o risco de superaquecimento só pode ser imaginado, mas é provavelmente abaixo dos 6,8% que alcançou no terceiro trimestre de 2008. A maioria dos economistas colocá-lo em 4-5%. Isto sugere que as taxas de juros não vai mais descer para níveis considerados normais em outros países em breve.
Ainda assim, a estabilidade tem suas próprias recompensas. Edmar Bacha, um dos economistas que trabalharam na introdução do real em 1994, é o prazer que os debates sobre a economia do Brasil tornaram-se tão estreita. Já em 1993, quando entrou para o Ministério das Finanças, a inflação em um ponto atingido 2.489%. Atualmente, ele observa com um sorriso, "os grandes debates são sobre se as taxas de juros poderia vir para baixo de 8,75% para 8,25%, ou se o Banco Central deveria ter começado um mês antes do corte que ele fez." Essa mudança foi boa para o Brasil, e particularmente bom para seus bancos e seu sistema financeiro.

Comentários dos leitores

The Economist congratula-se com a sua opinião.

10 de nov de 2009

20 Anos de Liberdade- O Fim do Comunismo na Europa!


Comemorando a queda do Muro de Berlim

A queda do Muro de Berlim, em 9 de novembro de 1989 marcou o começo do fim do comunismo na Europa.


Uma linha de dominós isopor pintado estava em uma fila em frente ao histórico Portão de Brandemburgo. Eles foram derrubados na segunda-feira como parte das comemorações de 20 anos desde a queda do Muro de Berlim.


 9 de novembro de 1989 foi o dia que mudou o mundo. Naquela noite, as massas de alemães do Leste reuniram-se no muro de Berlim, com os guardas de fronteira, em última instância determinante não havia maneira de segurá-los de volta. O Muro de Berlim, que dividiu a cidade desde 1961, não existia mais.


 Mais de 1.000 dominó, muitos pintados por crianças em idade escolar, foram colocados ao longo da antiga rota do Muro de Berlim. O dominó foi derrubado pelo ex-presidente polonês Lech Walesa, cujo sindicato Solidariedade venceu as eleições na Polônia, no verão de 1989, marcando a primeira rachadura no comunismo na Europa Oriental.


Ladeado pelos líderes do antigo Bloco de Leste nos últimos dias do comunismo e cercado por uma multidão, a chanceler Angela Merkel conduziu um dia de comemoração, refazendo seus passos, bem como os dos outros alemães orientais afluência de Berlim Ocidental, a partir de 20 anos atrás.
Primeiro-Ministro Gordon Brown da Grã-Bretanha, o presidente Nicolas Sarkozy da França e presidente Dmitri Medvedev da Rússia, bem como Secretário de Estado Hillary Rodham Clinton, Fizeram uma procissão cerimonial com Merkel através do Portão de Brandenburgo, que durante décadas se na "terra de ninguém entre Berlim Oriental e Ocidental. 






 Um concerto de música clássica foi seguido por um show de roqueiros E.U. Bon Jovi.
DJ Paul Van Dyk também premier sua nova canção "We Are One"

"O trabalho pela liberdade nunca deve acabar."
U. S. presidente Barack Obama em uma mensagem de vídeo

9 de nov de 2009

Chávez: Preparem-se para Guerra

Chávez ordenou a civis e militares para se preparar para possível guerra
O presidente disse que os militares, estudantes, trabalhadores e mulheres devem se preparar para um confronto militar, ele acusou o governo de Uribe ter sido entregue a Washington. "A Colômbia é mais um estado da União", disse ele, e culpou o presidente Obama para a crise devido à instalação de bases militares E.U. 

Presidente Hugo Chávez, no seu domingo,emitiu uma ordem para a Força Armada Nacional Bolivariana de estar preparado para qualquer agressão armada e se preparar para a guerra .
"Amigos militares não perder um dia no cumprimento da nossa missão fundamental, que é responsabilidade de todos, a quinta coluna são magras, são apátridas, bem como a oligarquia colombiana, e eles estão espalhados por toda parte", disse Chávez antes de oficial permanentes presentes no programa, que estréia em Acarigua, Portuguesa. Leia aqui

"A Venezuela não iria resistir a uma guerra com a Colômbia e os E.U."

"Um confronto entre Colômbia e Venezuela seria a intervenção E.U. em favor do primeiro"---

O ex-ministro dos Negócios Estrangeiros e ex-ministro da Defesa, Fernando Ochoa Antich acredita que o problema fundamental nas relações entre Colômbia e Venezuela Venezuela resposta ao desejo de expandir o raio de revolução para o país vizinho. Na sua opinião, Colômbia tornou-se uma cunha que impede a consolidação de uma política expansionista estrangeiro que tenha conseguido o que nunca conseguiu a Revolução Cubana.Leia aqui:


Colômbia vai "ameaças de guerra" da Venezuela à ONU e OEA  
  O governo de Álvaro Uribe, disse que "não fez e vai fazer um único gesto de guerra comunidade internacional, pelo menos irmãos, "e reiterou a sua disponibilidade para o diálogo "franco" para sair da crise com a Venezuela




O governo da Colômbia anunciou que "ameaças de guerra", lançada pelo presidente venezuelano, Hugo Chávez, ao Conselho de Segurança da ONU e da Organização dos Estados Americanos.
Colômbia "não fez e vai fazer um único gesto de guerra, a menos que a comunidade internacional para os países", disse um comunicado emitido pela Presidência, acrescentando que o governo "está disposto a abrir diálogo" para resolver a crise com a Venezuela .
Leia aqui

América Latina:Democracia Ameaçada por Governos Populistas-

A imprensa livre é um dos avalistas da democracia de qualquer lugar,pais,continente e do mundo.Na ultima decada a América Latina foi dominada por governos que criaram o Foro de São Paolo que tem como meta conquista e dominação do poder com

Governantes populistas realizam políticas nacionalistas de  estatização de certas atividades econômicas, imposição de restrições ao capital estrangeiro e concessão de direitos sociais.Isso implica num sistema de políticas ou métodos para o aliciamento das classes sociais de menor poder aquisitivo, como forma de angariar votos , prestígio , simpatia e assim atigem culto à personalidade do líder do Partido e do Estado. Leia nosso artigo de 18.10.2009 deste editor:clique aqui

As recentes manifestações de Lula associado aos recentes fatos América Latina vem confirmando nossa preocupação registrada na artigo acima.Alguns jornalistas começam a se dar conta da Perigosa Ameaça que sofre a América Latina. Leia abaixo o que disse hoje na Folha Online o Jornalista Gilberto Dimenstein
"Nos últimos tempos, o presidente tem dito coisas como: o papel do jornalista não é fiscalizar, mas sim informar. Chegou a pedir aos repórteres que não "interpretassem" um fato, afirmando que eles deveriam apenas relatá-lo friamente. Cada vez se incomoda mais com "formadores de opinião", pessoas que, justamente, têm a missão de analisar.
No mais, Lula diz, até com certa ponta de orgulho, que não lê jornal --assim não se incomoda em afirmar que não gosta de ler livros, que, segundo ele, dão sono.
São os ataques seguidos ao TCU, o desdém com advertências dos juízes sobre as viagens eleitorais, e a tentativa de interferência em empresas privadas.""

Agora leia o disse o Jornal Zero Hora tambem na data de hoje: 08 de novembro de 2009
O oxigênio da democracia

Está presente no momento político latino-americano a questão da preservação das conquistas democráticas recentes e dos riscos de que elas venham a ser perdidas em razão de práticas populistas. No centro do problema, está o princípio da alternância no poder, fundamental em qualquer democracia minimamente amadurecida.clique aqui para ler a matéria

Veja a matéria de hoje no jornal EU EL Universal  de Caracás-Venezuela: 
SIP está ameaças autoritárias contra a imprensa 
  Buenos Aires .- Segundo o Vice President da Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP), Gonzalo Marroquín, "a liberdade de imprensa no continente (E.U.), enfrenta riscos enormes, procurando aplicar restrições e ataques de governos autoritários do crime organizado e ao tráfico de drogas"
 Leia aqui 
107 relataram ataques e outros danos sérios para a imprensa na Venezuela 
O governo Chávez controla 238 estações de rádio, 28 Canais de TV, 340 jornais e revistas, além de 125 sites "e vai para mais", alertou David Natera, presidente do Bloco de Imprensa Venezuela Leia: Leia aqui

5 de nov de 2009

Votação-Prêmio Congresso em Foco- O que eles fizeram por merecer que eu não sei???

Um dos triunfos que muitos parlamentares procuram divulgar em seus históricos e quando favoráveis fazem de tudo para divulgar é sua boa pontuação/colocação em pesquisas de avaliações feitas por entidades,grupos,sites e outros sobre o seu desempenho.E assim é cobiçado o resultado da votação do site "Congresso em Foco". Esta votação é aberta a quem quizer basta ir ao site e votar e confirmar votos no email indicado.Não há controle de votos por IP o que significa que uma pessoa pode votar mais de uma vez basta ter mais de um email para confirmar o seu voto pois não há obrigação de ser cadastrado.Mas não é esta possível distorção que questino.A julgar pelos resultados da atual votação fiquei estarecido com a  minha possivel falta de informação  sobre as atividades de alguns dos mais votados visto que eu desconhecia razões para tal votação expressiva  e passei algum tempo em busca dos tais motivos: atividades desempenhadas no congresso, discursos relevantes em temas atuais, projetos ou pre-projetos apresentados e etc. Me dediquei a pesquisar sobre  os parlamentares de meu estado RGS.Na midia  com pequenas notas repetidas e nenhum artigo que merecesse destaque fui pesquizar em seus sites e blogs pessoais e como cidadão e eleitor fiquei duplamente decepcionado:  por que eu não estava mal informado i.é, não havia nada para se informar sobre projetos,pré-projetos ou participação em elaboração de algo significativo,somente "frivolidades",alguns discursos partidários e de atividades em  reuniões seu partido, visitas a  entidades sindicais mais para pequenos discursos extraídos da mesmíssima cultura partidaria e que não acrescentam em nada ao povo Brasileiro e se considerar uma agenda semanal de horário normal não chegam a 20 horas trabalhadas/dedicadas.Considerando o custo com todas as suas verbas que um Deputado Federal representa ao Pais traz uma sensação de mal estar, de impotência, de reação irracional ao constatar em  detrimento do tanto que voce tenque trabalhar para pagar imposto para alguns não fazerem nada em benefício ao Pais.Evidentemente que tal constatação e com os resultados da atual votação tive a outra decepção, pois me pareceu ser mais uma falsa avaliação e com premiação que ganha destaque nacional.Porisso questionio:

O que eles fizeram por merecer que eu não sei???

Senador  Votos

Alvaro Dias (PSDB-PR) 19775

Renato Casagrande (PSB-ES) 17837

Demóstenes Torres (DEM-GO)14422

Cristovam Buarque (PDT-DF)14026

Arthur Virgílio (PSDB-AM)10181

Flavio Arns (PSDB-PR)6702

Eduardo Suplicy (PT-SP)6145

Paulo Paim (PT-RS)5875

Marina Silva (PV-AC)5187

Pedro Simon (PMDB-RS) 3918


Deputado  Votos

Beto Albuquerque (PSB-RS)17392

Manuela d'Ávila (PCdoB-RS)14393

José Carlos Aleluia (DEM-BA)13366

Rita Camata (PSDB-ES)12615

Gustavo Fruet (PSDB-PR)11800


ATUALIZAÇÂO
Hoje tive uma resposta a mais do que eles fizeram. A 2a.colocada, deputada Manuel D Avila, mereceu um artigo publicado no site de Políbio Braga :

sábado, 7 de novembro de 2009

Manuela conseguiu o que queria: vagas de estágio caíram 60% em um ano

Clique aqui

"MST invade fazendas, queima casas e rouba gado" -No Brasil de Lula-Repetição de fatos e nada acontece


Fotos divulgadas mostram várias instalações danificada(Canal Rural-Zero Hora)

Diário do Pará
Quarta-feira, 04/11/2009, 22:32h  
O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) deixou um rastro de violência e destruição durante a invasão das fazendas Maria Bonita e Rio Vermelho, localizadas nos municípios de Sapucaia e Xinguara, no sul do Pará. Cem homens armados e encapuzados derrubaram e queimaram casas, expulsaram empregados e atearam fogo em tratores, além de roubar gado.Clique aqui para ler a matéria ..



MST: invasões levam medo ao Sul do Pará Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) deixaram um rastro de destruição em diversas propriedades no sul do Pará, numa ação realizada na madrugada desta quarta-feira (4). As fazendas Maria Bonita, em Eldorado dos Carajás; e Rio Vermelho, em Sapucaia; foram atacadas. Na ocasião, funcionários foram agredidos e obrigados a deixar as suas residências
Até quando a Sociedade Brasileira vai aturar este banditismo generalizado que está instalado no Brasil do governo petista Lula??Não é possivel que o dinheiro tenha mais força perante os representantes eleitos pelo povo do que a própria destruição do próprio povo.O MST é o braço esquerdo do programa de governo do PT e a candidata e ex-guerrilheira Dilma quer que seja o corpo de seu governo.Não se iluda com meras tiradas midiáticas de seu lider moor Stedile, como a do último dia 30, em que diz : O MST NÃO É CAPACHO DO LULA, leia-se que a ordem não altera os fatores, vejam as declarações do destemperado ministro da justiça Tarso Genro de que não se deve demonisar o MST.É a velha tática comunista praticada por seus ditadores, Mentir repetidamente até que o tempo se encarregue de passar como verdade, é o chamado marxismo-cultural  e  basta ver em seu site que não é só a cor vermelha do comunismo-marxismo que o MST institui e recomeda mas toda a sua literatura e toda a forma de convencimento e adestramento cultural e informativo não é por menos que indica mais sites de mídia venezuelanas e bolivarianas do que a nossa própria mídia nacional. Não é só a história mundial que nos revelam a realidade dos governos comunistas a contemporâniedade Venezuelana está para provar. ACORDA BRASIL EXPULSE ESTE MAL DAQUI.

 

4 de nov de 2009

Para onde vamos?, por Fernando Henrique Cardoso* "UM ALERTA TARDIO"


O artigo do Ex-Presidente da República, Fernando Henrique Cardoso, publicado no último domingo,pode chamar atenção para a maioria dos leitores pela atual situação que se encontra a nação brasileira.Com a precisão e clareza que compete a um sociólogo e professor gabaritado FHC alerta para o Totalitarismo Lulista que se instalou desde a sua posse na presidência deste pais. O que este blog tem feito insistentemente, basta deslisar o mause para algumas postagens abaixo.Não estou usando o chavão  "eu não disse?" pois fazem pouco mais de 30 dias que iniciei este canal de comunicação, mais para desabafar aquilo que a mim parecia que poucos viam ou se viam se faziam de que não viam,(todos no pretérito imperfeito do indicativo).Mas para tamanha personalidade e diante da recente história, apenas lamento que ele venho tarde demais.

Chamo atenção para sua leitura que segue:Clique aqui para ler o artigo de FHC
Como mencionei antes, longe de mim fazer qualquer crítica ao artigo como alguns o fizeram que
trata-se de ser escrito por aproximar-se as eleições, ou de que FHC esquece de que é um Marxista e que de certa maneira Lula é criatura sua, pois não tenho tal capacidade de analize, apenas de que tal artigo está atrazado e vem como "alerta" tarde demais.Porem, não deixo de apreciar a crítica
do colunista do site Mídia Sem Máscara, Nivaldo Cordeiro, a qual sugiro a leitura:

 Todavia, não vi na mídia ainda, nenhum artigo chamando atenção para o todo.Apenas a forma 
Populista-Totalitária que caminha para a Ditatura oficializada do governo Lula , que tem como
meta 20 de mandato popular e eternamente como fôr possível, em desmestificar a péssima gestão em todos os índicadores ao contrário do que a grande mídia sinaliza, o que ainda farei brevemente.


29 de out de 2009

Até tú Pedro Simon?? Símbolo do PMDB que nada faz e nada vale.Vegonhoso!

Comissão do Senado aprova entrada da Venezuela no Mercosul

BRASÍLIA (Reuters) - O Comitê de Relações Exteriores do Senado aprovou nesta quinta-feira o ingresso da Venezuela no Mercosul apesar das preocupações dos senadores com o compromisso do presidente Hugo Chávez com a democracia. ...........
.
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que viajou a Caracas nesta quinta-feira, fez campanha a favor do ingresso da Venezuela ao Mercosul, composto por Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai. Chile, Bolívia, Peru, Equador e Colômbia são membros associados do bloco........

A favor do ingresso da Venezuela no Mercosul:
Eduardo Suplicy (PT-SP)
Antônio Carlos Valadares (PSB-SE)
João Ribeiro (PR-TO)
João Pedro (PT-AM)
Pedro Simon (PMDB-RS)
Francisco Dornelles (PP-RJ)
Romero Jucá (PMDB-RR)
Paulo Duque (PMDB-RJ)
Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR)
Flavio Torres (PDT-CE)
Renato Casagrande (PSB-ES)
Inácio Arruda (PCdoB-CE)
Contra o ingresso da Venezuela no Mercosul:
Heráclito Fortes (DEM-PI)
Flexa Ribeiro (PSDB-PA)
José Agripino (DEM-RN)
Arthur Virgílio (PSDB-AM)
Tasso Jereissati (PSDB-CE)

Vamos implantar no Mercosul as políticas Bolivarianas Logo estaremos na mesma ditadura da Venezuela de Chaves. 
Vergonhoso nosso senador Gaucho  igual a seu pardido que só sabe fazer discurso demagógico, mas faz qualquer apoio ao governo para  mamar nos  cargos públicos em empresas  estatais que o governo Lula vende!!!!
Votar nele nunca mais!

Congressista dos EUA quer Venezuela em lista do terrorismo

Membro do partido republicano afirma que governo de Chavez é 'perigoso' e não deve ser 'subestimado'
estadao.com.br
WASHINGTON - O congressista americano, Connie Mack, do partido republicano, anunciou nesta terça-feira, 27, que apresentou uma resolução no Congresso dos Estados Unidos pedindo que o governo de seu país inclua a Venezuela na lista de países que dão suporte ao terrorismo, informou a agência de notícias France Press.  A resolução foi apresentada em conjunto com o congressista Ron Klein, que é do partido Democrata, historicamente mais à esquerda no campo político que o rival Republicano. A France Press publicou a declaração de Mack: "A Venezuela é um perigo que não deve ser subestimado".
 Na lista que o republicano e seu colega democrata querem incluir a Venezuela, encontram-se Cuba, Sudão, Irã e Síria. A Coreia do Norte foi retirada deste conjunto no último dia 11 de outubro. Os países que são classificados desta forma pelo governo norte-americano não podem receber nenhum tipo de ajuda econômica dos Estados Unidos.
 A France Press teve acesso ao texto da resolução apresentada por Connie Mack. No relatório, o republicano aponta que a Venezuela apoia as ações das Farc na Colômbia e também o Hezbolá.Além diss.


o, cita diversas vezes o bom relacionamento entre Venezuela e o Irã.

 Caracas respondeu afirmando que sua relação com Teerã não oferece perigo para os Estados Unidos e para nenhum país no mundo

28 de out de 2009

Lula Tem o aniversário para comemorar, mas muito pouco para comemorar no seu Governo!!!!




PAC do Papel : Investimentos estão em 13,8% do previsto para o ano
Do site do PSDB dep. Bruno Araújo (PE):

Segundo Bruno Araújo, má gestão do governo faz Brasil perder oportunidades 

A dois meses do final do ano, o governo Lula executou 13,8% da previsão de investimentos do PAC previstos para 2009. O levantamento foi feito pela assessoria técnica do PSDB com base em dados do Siafi (Sistema Integrado de Administração Financeira). Dos R$ 27,8 bilhões que deveriam ser aplicados este ano, R$ 3,8 bilhões foram pagos até agora.Clique aqui para ler a matéria:

                                                           -o-o-

Estadão Sábado, 24 de Outubro de 2009 | Versão Impressa 

Casa de ferreiro, espeto de pau 

Prédio do TCU é só um ''esqueleto''

Alvo da ira do governo por paralisar obras públicas, o Tribunal de Contas da União (TCU) prova do próprio veneno e convive há um ano com o esqueleto de um prédio no quintal. Trata-se do anexo-3, orçado em R$ 70 milhões, para alojar três secretarias. A Uni Engenharia, licitada pelo critério de menor preço, levantou só 20% do prédio e jogou a toalha em novembro. O TCU rompeu contrato e abriu nova licitação. O prejuízo por conta da paralisação passa de R$ 2 milhões.Clique aqui Para ler a Matéria
          
                                                          -o-o-

LULA E A IMPRENSA
Perdoai-o, Pai, ele não sabe o que diz!
Por Ricardo Noblat em 27/10/2009


É espantosa a ignorâncnciaia de Lula quanto à função da imprensa.
"Não acho que o papel da imprensa é fiscalizar. O papel é informar", disse ele a Kennedy Alencar em entrevista publicada, hoje, na Folha de S. Paulo. E acrescentou:
– Para ser fiscal, tem o Tribunal de Contas da União, a Corregedoria-Geral da República, tem um monte de coisas. A imprensa tem de ser o grande órgão informador da opinião pública. Essa informação pode ser de elogios ao governo, de denúncias sobre o governo, de outros assuntos. A única que peço a Deus é que a imprensa informe da maneira mais isenta possível, e as posições políticas sejam colocadas nos editoriais.Clique aqui para Ler a matéria

                                         -o-o-

                        RIO 2009 - Olimpiadas da Violência!!

                               Vai comemorar o que ????

25 de out de 2009

Criminosos no Poder: A CPI do MST não pode Falhar!

O PT e a ex(?)-guerrilheira,atual mínistra e candidata em plena campanha com o dinheiro público em afronta aos demais candidatos vão chamar o MST para elaborar o seu plano de governo para o duturo destepaiz.
Certamente aperfeiçoarão suas técnicas de tomada de propriedade privadas e pelas ligações do partido  com o boliviarianismo de Chavez, e se tudo acontecer como imaginam em pouco tempo , alem de ter que tomar banho em 3 minutos, "perderemos o direito a propriedade privada, acabarão a agricultura e pecuária nossa  maior fonte de dívisas e a possibilidade de crescimento do PIB que vem aumentando carência mundial.
É preciso que se esclareça e se divulgue os números que financiam esta bárbarie criminosa  e quais seus própositos pois os assentamentos são improdutivos. 
Não é a justa reforma agrária que deve ir para os bancos dos réus, mas esta que está ai com seus péssimos resultados e desvios de divisas para o enriquecimento de seus líderes assim como o narcotráfico.
Sobre o manifesto dos intelectuais de esquerda  que estão a favor do MST, a chama esquerda festiva, me recordo uma   frase de Roberto Campos comenta a esquerda festiva:
"É divertidíssima a esquizofrenia de nossos artistas e intelectuais de esquerda: admiram o socialismo de Fidel Castro, mas adoram também três coisas que só o capitalismo sabe dar - bons cachês em moeda forte, ausência de censura e consumismo burguês; trata-se de filhos de Marx numa transa adúltera com a Coca-Cola..."

 MST
Veja, 25 Jan 09
25 anos de crimes e impunidade
Eles se abrigam sob a bandeira de uma organização política com o nome de Movimento dos Sem-Terra (MST). Não têm sede fixa nem estatuto. Seus chefes nacionais nunca são processados ou condenados
Clique aqui para ler a matéra inteira..

Promotor que combatia na Justiça as ações criminosas do MST no Rio Grande do Sul abandona o caso depois de sofrer ameaças, constrangimentos, grampos e até um atentado contra sua vida
O AVANÇO E O RECUO

Gilberto Thums desistiu de tentar conter a barbárie do MST: “Se a luta não for de todos, não é de ninguém”
Em 25 anos de existência, o Movimento dos Sem-Terra (MST) raras vezes teve seus métodos ilegais reprimidos pela força das leis. A ofensiva mais contundente vinha sendo realizada no Rio Grande do Sul, berço do movimento, pelo promotor de Justiça Gilberto Thums.
Clique aqui para ler a matéria ..
Dilma ex-guerrilheira junto com João Pedro Stedile farão o programa do futuro dos Brasileiros!!

PT convida MST para ajudar no programa de Dilma
FÁBIO ZANINI
da Folha de S.Paulo, em Brasília
O PT convidou o MST e outros movimentos sociais para discutir o governo Lula e colaborar com a campanha e o programa de governo de Dilma Rousseff (Casa Civil) em 2010.
Clique aqui para ler a matéria completa..

Entendendo o Foro de São Paulo em 10 capítulos